AHRESP distingue Pedro Machado com o Prémio Mérito e Excelência

AHRESP distingue Pedro Machado com o Prémio Mérito e Excelência
O Turismo.PT

A Associação da Hotelaria, Restauração e Similares de Portugal (AHRESP) reconheceu Pedro Machado com o Prémio de Mérito e Excelência. O premiado falou em exclusivo a O Turismo.PT sobre o troféu.

A noite já ía longa, mesmo com os momentos artísticos mais reduzidos, quando foi anunciado que Pedro Machado tinha sido reconhecido pela AHRESP com o Prémio Mérito e Excelência.

A quinta gala dos Prémios AHRESP, que decorreu na noite de 24 de Maio no Pavilhão Carlos Lopes em Lisboa, foi mais compacta e com os momentos artísticos de fraca qualidade.

A direcção artística dos Premios AHRESP, da responsabilidade do produtor e coreografo Paulo Magalhães, ficou muito aquém do que seria de esperar. Isso pode dever-se ao facto da sua empresa ter tido seis eventos nessa noite. A coreografia deixou muito a desejar, destacando a qualidade do cantor Rui Durmond e do artista circense Carlos Gaudêncio. Sugerimos que a PMP Produções no próximo ano tenha mais atenção para este evento, pois merece-a. Outra nota positiva para a Green Media, que em conjunto com a AHRESP, organizou de forme brilhante o evento.

O prémio da noite - Mérito e Excelência, o último a ser entregue, foi atribuído a Pedro Machado por todo o seu percurso profissional.

Licenciado em Filosofia e actualmente a fazer o Doutoramento em Turismo, pela Universidade de Coimbra, é o Presidente da Entidade Regional de Turismo do Centro de Portugal e da Agência Regional de Promoção Turística Centro de Portugal.

Pedro Machado recebeu o prémio das mãos do Primeiro Vice-Presidente da AHRESP, Carlos Moura e da Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional na área do Planeamento, Maria do Céu Albuquerque. Esta última foi vogal da direcção da TCP até ao inicio de Fevereiro do corrente ano.

O premiado agradeceu a distinção, “na pessoa do seu presidente, Comendador Mário Pereira Gonçalves” e dedicou-o aos “amigos, colegas do Turismo Centro de Portugal e todos quantos contribuem com espírito e ação positivos para uma região Centro e um Portugal melhor”.

É conhecida a forte ligação de Pedro Machado à Associação, no entanto o galardoado salientou, em exclusivo a O Turismo.PT "há vários astros que se cruzam e acredito que um deles será seguramente a amizade a confiança", no entanto não acredita que esse factor tenha tido alguma influência na atribuição do prémio, uma vez que "há um júri externo à AHRESP composto por personalidades como Luís Araújo, Presidente do Turismo de Portugal, Vítor Neto ex-secretário de Estado do Turismo e tantas outras personalidades que não fazem com que a AHRESP deva o que quer que seja ao Pedro Machado". Salientou ainda "não creio que a distinção tenha a ver com critérios como a amizade, mas sim a um reconhecimento nacional pelo trabalho que desenvolvi". Explicando que quando "falo em publico saber o que estou a dizer, não dizer generalidades, nem frases feitas com base em conhecimento de outros que me disseram que era assim". Sustenta que por isso "acho que o Pedro Machado recebe hoje este prémio pela capacidade de mostrar aos outros que é um extraordinário profissional e que coloca esse profissionalismo ao serviço do Turismo do Centro".

Do seu percurso profissional destaca em exclusivo a O Turismo.PT "a minha ligação permanente a minha terra natal, onde aprendi o valor do trabalho da dedicação, do empenho, da solidariedade e companheirismo", pois "isso dá-nos o berço, e eu acredito que é o berço que nos influencia para o resto da vida", frisou. A sua passagem pela autarquia de Montemor-o-Velho, como Vice-Presidente foi outro dos seus destaques, uma vez que "aprendi a ouvir a escutar as pessoas, a resolver problemas concretos", logo "isso dá-nos muito bom senso, conhecemos a máquina do estado, a sua burocracia". Pedro Machado conclui os seus destaques com "a passagem pelas universidades foi positiva, Filosofia, estou a fazer doutoramento em Turismo, além conhecimento do mundo académico isto trouxe-me o selo que significa conhecimento".

Após este reconhecimento por parte da AHRESP, afirmou, em exclusivo a O Turismo.PT, que nada vai mudar, uma vez que irá "continuar o meu trabalho de forma mais empenhada com os que diariamente estão comigo".

A Entidade Regional de Lisboa e Vale do Tejo recebeu o Prémio AHRESP da Melhor Entidade Regional de Turismo.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade