Academia de Gestão Aplicada, um projecto do Turismo de Portugal

O Turismo de Portugal, em parceria com a NOVA SBE, promove a partir de Maio a Academia de Gestão Aplicada, um projecto que arranca com o Grupo Portugália.

 


O Turismo de Portugal, em parceria com a NOVA SBE, promove a partir de maio a Academia de Gestão Aplicada, um projecto que tem como alvo os profissionais do sector com o objectivo de os posicionar enquanto “agentes activos de implementação de uma visão estratégica nas suas áreas de actuação.”


A Academia de Gestão Aplicada é uma formação totalmente moldada às necessidades dos formandos e das dinâmicas do mercado. Os participantes terão um total de 98 horas de formação, tanto nas instalações da NOVA SBE como da Escola de Hotelaria e Turismo de Lisboa, e 15 horas dedicadas ao desenvolvimento de um projecto, a apresentar no final do curso.

O incremento da actividade económica do turismo registada nos últimos anos contribuiu para o surgimento de novas realidades, também ao nível do mercado de trabalho. 

É com base nesta realidade, e “prosseguindo as metas da Estratégia Turismo 2027”, que aposta na formação, na valorização das profissões do turismo e na capacitação contínua de empresários e gestores do sector, que o Turismo de Portugal desenvolveu “um diagnóstico de necessidades de formação contínua, envolvendo os seus parceiros públicos e privados”.


Conhecer as necessidades de formação dos profissionais do turismo, “perceber a sensibilidade dos decisores empresariais para promoverem a formação dos seus colaboradores, distinguir as necessidades específicas de cada região e subsector e criar oferta de formação adequada à procura, foram alguns dos aspectos analisados.”


Depois de uma análise de todos estes aspectos o resultado é o “Programa de Capacitação para o Turismo, no qual se integram a Academia de Gestão Aplicada e outras iniciativas semelhantes, que permitem assegurar a formação de profissionais preparados para os novos desafios, abertos à inovação, às transformações do negócio, versáteis, empreendedores e com capacidade para acompanhar as novas tendências.”

Serão mais de 300 acções de formação até ao final do ano que abrangerão mais de 5.000 profissionais do sector.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade