Os melhores arraiais Pride na Europa

A Skycop ergue a bandeira Pride e convida a viajar pela Europa visitando os melhores arraiais Pride.

 

“Intenso, cativante e com as cores do arco-íris”, com estas palavras descreve a comunidade LGBTI as celebrações da sua comunidade LGBTI.

E este verão é especial: os 50 anos dos Stonewall Riots que, em Nova Iorque, lutavam contra as violações dos direitos humanos da comunidade homossexual, gerando eventos por todo o mundo.


A capital da Áustria, Viena é o melhor local deste verão. A cidade está a planear em apresentar o Festival EuroPride, um enorme evento para a comunidade europeia LGBTI. Com o slogan “juntos & orgulhosos”, os austríacos esperam mais de um milhão de visitantes.
“E esta é uma grande oportunidade para mergulhar no verdadeiro oceano da tolerância.”

A Semana do Pride em Vienna começou dia 01 de Junho e terminou a 16.

Mas o entusiasmo esteve ao máximo  no sábado, dia 15 de Junho. O Arraial Pride, também chamado de ‘Rainbow Parade’, ocupou o centro da cidade, abrindo a cena para o melhor evento da Europa neste verão.

Vale a pena mencionar, que a reputação de Vienna como um local amigável da comunidade LGBTI está em constante crescimento! Desde a legalização das leis do casamento do mesmo sexo até à receção do EuroPride 2019, Áustria está a tornar-se o destino do este arco-íris deste ano.


A Cidade arco-íris de Amesterdão dá-lhe as boas-vindas com um barco Pride

O clássico dos arraiais Pride – é assim que o evento da capital dos Países Baixos, Amesterdão se poderia chamar. E não há melhor lugar no planeta para celebrar a igualdade e amor!

Também conhecido como The Rainbow City, Amesterdão apresenta-se como a capital com quartos para todos, independentemente da orientação sexual, género ou identidade. De acordo com estatísticas oficias, mais de 680 mil pessoas visitaram o Pride de Amesterdão dois anos atrás.

O Pride de Amesterdão de 2019, comemora os Stonewall Riots e chega com o slogan ‘Lembre o passado. Cria o futuro’.
O evento Pride está agendado entre os dias 27 de Julho e 04 de Agosto.
O Pride de Amesterdão 2019 irá incluir a caminhada Pride no dia 27 de Julho. Os eventos são também organizados no Parque Pride que transforma o Vondelpark - o maior parque da cidade em Amesterdão, localizado no sul de Leidseplein e perto do Museu Van Gogh, - no “Open Air Theatre”.

Os visitantes encontram no local várias actividades, actuações, desporto, jogos, e mercado rainbow.
Mas um dos eventos mais famosos é o Parade de barco anual nos canais de Amesterdão, que terá lugar no sábado, 03 de Agosto.
No dia seguinte, a Dam square irá apresentar o big bang – o encerramento oficial do Pride de Amesterdão.

Madrid o top dos Prides europeus com tradições, que já conta quarenta anos.

Em 2005, Espanha tornou-se no primeiro país no mundo a legalizar o casamento do mesmo sexo. Quase 15 anos depois, o Pride anual Index de 2019 classificou Madrid como a cidade Pride Top 3 no mundo e Top 1 na Europa.

Madrid é também chamada a melhor cidade para lésbicas no mundo. O Pride Index afirma que a capital de Espanha recebe o maior festival Pride da Europa. As celebrações atraem mais de um milhão de pessoas por ano.

O arraial Pride de Madrid irá durar mais de uma semana, começando na sexta, dia 28 de Junho.
A festa terminará no Domingo, dia 07 de Julho mas a incrível festa de rua acontecerá no dia anterior.

 A quente, louca e temperamental fiesta de Espanha, que ira pintar Madrid de arco-íris e glitter, irá marchar desde Atocha até Colon. O evento começa no início da tarde e só termina à meia-noite.

O primeiro Pride de Madrid aconteceu no dia 25 de Junho de 1978. Apenas 7000 pessoas se juntaram para protestar pelo direito de não serem tratados como criminosos. Anos mais tarde, luta foi substituída pela festa, sendo esta celebrada, começando com um pequeno grupo de milhares de activistas até uma enorme multidão de marchantes.

Em Lisboa o Arraial Pride aconteceu a 22 de Junho, com a animação alegria e bos dsiposição que são habituais em festas arco iris.


Pride do Báltico: o aumento da tolerância em Vilnius

As comunidades LGBTI da Estonia, Latvia e Lituânia, em conjunto com os aliados de outros países da Europa, vão marchar em Vilnius. O Pride do Báltico é considerado o maior evento de direitos humanos nos Países Bálticos e, apesar de este evento ainda provocar controvérsia em público, o apresentador garante que nenhum participante se irá sentir inseguro ou que não seja bem-vindo.

O evento aconteceu de 04 a 09 de Junho. Uma semana inteira dedicada a celebrações intensas com uma conferência internacional de direitos humanos, a gala Pride Voices, Pride House e Festa de Rua Pride.

Vilnius oferece também encontros sociais não-oficiais onde se pode divertir até de manhã ou conversar pelas ruas. A capital da Lituânia está a tentar bastante quebrar os estereótipos e trocar a figura séria do norte da Europa por boas-vindas LGBTI.

Mais de 30 arraias Pride estão agendados para este verão, na Europa. E se está com vontade de viajar para lá para celebrar a tolerância, não seja tolerante com maus comportamentos das companhias aéreas. Em caso de voo atrasado, cancelado ou overbooked peça à Skycop para defender os seus direitos. Vão transformar a perturbação do seu voo numa compensação até 600€.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade