OMT e OMI juntas para recomeçar as operações de cruzeiros

OMT e OMI juntas para recomeçar as operações de cruzeiros
Divulgação

A OMT e a OMI emitem uma declaração conjunta de apoio a um recomeço seguro das operações  de cruzeiro.

 

 Numa declaração conjunta, emitida a 05 de Novembro a Organização Marítima Internacional (OMI) e a Organização Mundial de Turismo (OMT)
destacam a importância dos barcos de cruzeiro para a economia mundial.

Segundo dados da indústria, o sector de cruzeiros mantém 1,2 milhões de postos de trabalho e gera cada ano 150.000 milhões de dólares americanos para a economia mundial.
O turismo é de vital importância para os pequenos estados insulares uma vez que é o meio de subsistência de milhares de pessoas e acarreta substanciais benefícios socioeconómicos.

Os dois organismos das Nações Unidas reconhecem do mesmo modo os esforços realizados pelo sector, os países e as organizações internacionais para proteger a segurança, a saúde e o bem estar dos passageiros e tripulação, bem como a saúde da população dos estados portuários de chegada dos navios.

Desde que foram suspensas a operações dos navios de cruzeiro em todo o mundo devido à pandemia Covid 19, o sector examinou e melhorou os seus protocolos de forma a determinar como ir mais além em matéria de protecção da saúde dos passageiros, da tripulação e do publico em geral.

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade