Linha do Oeste de Mira-Sintra a Torres Vedras

Linha do Oeste de Mira-Sintra a Torres Vedras
Divulgação

Depois de assinado “o auto de consignação” das obras de requalificação da Linha Ferroviária do Oeste, prossegue a linha entre Mira-Sintra e Torres Vedras



Com um custo previsto de 61,7, segundo o Governo este avançar da linha é mais um passo na modernização da Linha do Oeste, cuja degradação é visível deste há muito tempo.
A construção deste troço significa para as populações que utilizam esta linha a concretização de um anseio de há muito.
Pedro Nuno Santos,  ministro das Infraestruturas e da Habitação, , salienta que “a modernização da linha do Oeste é uma obra que estas populações aguardam  há  muitos  anos  e  que,  agora,  podemos  dizer  que  vai  mesmo acontecer.  Quando  estiver  pronta,  terão  um  serviço  ferroviário  com comboios eléctricos mais confortáveis, mais rápidos, mais frequentes, mais amigos do ambiente e permitindo ligação directa ao Rossio ou à linha de cintura


Por outro lado em Outubro, foi ainda lançado o concurso no valor de 40 milhões de euros para a “requalificação da Linha do Oeste entre Torres Vedras e Caldas da Rainha, já no distrito de Leiria”.

Integrando o programa Ferrovia 2020, a intervenção prevê a eletrificação integral do troço, aproximadamente numa extensão de 43 quilómetros.
Haverá ainda a beneficiação de cinco estações e seis apeadeiros e a criação e melhoria dos acessos às plataformas de passageiros para pessoas com mobilidade condicionad

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade