Restrições sanitárias são positivas mas necessitam de medidas de apoio

Restrições Sanitárias têm de ser acompanhadas por medidas reparadoras dos danos causados às empresas, uma afirmação da AHRESP no seu boletim.


As decisões saídas da reunião “Infarmed” que contou com especialistas em Covid, deverão vir  a servir de base à adopção de “eventuais novas medidas de controlo da situação pandémica”.

Contudo a AHRESP lembra que quaisquer que sejam as medidas que  venham a ser tomadas deverão de imediato ser acompanhadas “por medidas reparadoras dos danos causados às empresas.” 

E no seu boletim a AHRESP alerta para o facto de em plena semana de contenção nem discotecas nem bares, encerrados por decreto tenham sido objecto de qualquer apoio nem se conheça qualquer determinação nesse sentido.


Destaque ainda para:  medidas que necessitam ser postas em prática urgentemente

  • Encerramento involuntário devido a infeções por COVID-19 deve ser acompanhado por medidas de compensação
  • Redução do período de isolamento
  • Inquérito AHRESP/Hotel 4.0 a decorrer
  • Atualizada norma sobre rastreio de contactos
  • Governo dos Açores institui redução do período de isolamento para cinco dias
  • Guia de Acolhimento para Migrantes

RIU Hotels & Resorts

#EstamosON

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade