AHRESP É preciso delinear estratégias para a recuperação do sector

A Hotrec aconselha que “é preciso delinear estratégias de recuperação para o sector da hospitalidade europeia”


A Hotrec, a federação europeia que reúne as associações nacionais da área da restauração, similares e alojamento turístico, juntou-se a outras associações exigindo que as instituições europeias organizem uma task force, “para debater o impacto da pandemia nos negócios e postos de trabalho, bem como desenhar um roadmap para a recuperação do sector da “hospitalidade”, que emprega 12,5 milhões de pessoas”.

A pandemia COVID-19 tem “atacado” em força os restaurantes, bares, hotéis, cafés, estabelecimentos de animação nocturna bem como os seus fornecedores por toda a Europa.

“Na maioria pequenas e médias empresas, estes negócios são o “coração” social e económico das cidades, mas também das comunidades rurais e áreas turísticas”, esclarece a Hotrec.

No segundo quadrimestre de 2020, o sector da hospitalidade, que tem estado sujeito a encerramentos e diminuição das actividades, caiu 63.25% face ao período homólogo de 2019.

No segundo quadrimestre de 2020, perderam-se 1,84 milhões de postos de trabalho na Europa (UE) face ao mesmo período do ano anterior.

Face a esta posição, a AHRESP considera que também em Portugal, Governo e Organismos Associativos Empresariais deviam trabalhar já e em conjunto para definir estratégias de recuperação da Actividade Turística.

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade