Empresas da Restauração e Alojamento não resistem sem “vacina” a fundo perdido

Empresas da Restauração e Alojamento não resistem sem “vacina” a fundo perdido, lembra a AHRESP

Perante este novo confinamento AHRESP lembra que se impõe uma forte injecção financeira a fundo perdido das actividades de restauração e similares,


Perante esta nova fase de confinamento e o encerramento obrigatório é necessária uma drástica imposição de “encerramento legal das actividades de restauração e similares, impõe-se uma forte injecção financeira a fundo perdido nas empresas da Restauração, Similares e do Alojamento Turístico.

A AHRESP apresentou ao Governo “uma proposta de novas medidas que visam Proteger as Empresas e o Emprego nos próximos meses e que consiste no reforço dos apoios a fundo perdido para a liquidez das empresas, na maior proteção do emprego e na intensificação do apoio ao pagamento das rendas”.


Com a propagação galopante da pandemia COVID-19, que se regista em Portugal,  o Governo implementou uma nova fase de confinamento geral, impondo o encerramento legal das actividades da restauração e similares, “permitindo apenas o funcionamento em regime de take-away e entrega ao domicílio (delivery).


As restrições impostas no âmbito deste novo confinamento, com o dever de permanecer em casa, a obrigatoriedade do teletrabalho e o substancial aumento das coimas pelo não cumprimento das regras sanitárias agravam a já muito debilitada situação financeira de toda a actividade turística”. esclarece a AHRESP


Por outro lado, e  para além do encerramento legal da restauração e similares, também o alojamento turístico se vê obrigado a suspender a atividade, com consequências dramáticas para a sustentabilidade dos negócios e manutenção dos postos de trabalho.



O mais recente inquérito mensal da AHRESP, referente ao mês de dezembro, foi realizado pela NIELSEN, uma empresa internacional de elevada reputação na execução de estudos de mercado e de opinião, com enorme experiência no Canal HORECA, e os principais resultados revelam empresas sem meios e condições para continuar a lutar pela sua sobrevivência:

 

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade