AHRESP lembra Federações de Restauração defendem descida do IVA

AHRESP lembra Federações de Restauração defendem descida do IVA
Divulgação

AHRESP sublinha que Federações Europeias do Alojamento e da Restauração e Bebidas defendem descida do IVA em toda a Europa.



  Como tem sido insistentemente defendido pela AHRESP, a HOTREC – Hotels, Restaurantes & Cafés in Europe, a FoodDrink Europe e a FoodService Europe reclamam uma descida generalizada do IVA nos serviços de alimentação e bebidas em toda a Europa e apelam para que a União Europeia encoraje os Estados-membros a aplicar a taxa reduzida do IVA.

No seguimento desta situação, a AHRESP considera inaceitável que o Programa ADAPTAR 2.0, aprovado no âmbito do Programa de Estabilização Económica e Social (PEES), ainda não se encontre disponível. Como se sabe e reconhece as empresas não têm tesouraria e precisam de apoio na aquisição dos vários equipamentos de proteção individual (EPI’s), de soluções desinfectantes, bem como da adaptação dos espaços às restrições de funcionamento que constantemente recaem sobre as nossas empresas.

Por outro lado a AHRESP insiste no facto de que os horários de abertura dos cafés e pastelarias não podem ser limitados. Para a AHRESP a confusão está instalada nos horários de funcionamento dos estabelecimentos similares à restauração.

Entretanto o Governo já clarificou que aos cafés e pastelarias são aplicados os mesmos horários de funcionamento dos estabelecimentos de restauração (proibição de admissão de clientes a partir das 00:00 e encerramento pela 01:00) e que os horários de abertura não têm qualquer limite horário.

No entanto, algumas autarquias têm restringido os horários de abertura, limitando o funcionamento dos estabelecimentos como cafés e pastelarias em horários de maior afluência.

Mas a AHRESP não consegue entender a razão da restrição dos horários e apela à correção dessas restrições horárias com a maior urgência.

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade