Miguel Capucho assume direcção artística do Clube de Fado

Mário Pacheco, proprietário do Clube de Fado, uma dos mais castiços restaurantes de Alfama passou a "pasta " da direcção artística a Miguel Capucho

O fadista e manager artístico  Miguel Capucho foi o escolhido por Mário Pacheco guitarrista e proprietário do restaurante Clube de Fado para assumir a direcção artística da casa. Miguel Capucho refere que o guitarrista é um lider nato, é uma pessoas que gosta do que faz, que ama a arte, que ama o Fado, que ama os amigos e que ama todos aqueles que se entrgam a esta música que nos faz chorar sem saber porquê e que deixa fora de controlo qualquer rxpressar de emoção"
O fadista acrescenta ainda que "o Mário gosta de pessoas que se entregam, com ou sem poder vocal, com ou sem talente especial, mas ama sobretudo aquelesque conseguem transmitir algo aos outros".
Miguel Capucho afirmou que "Nunca tive um patrão assim. Marcou-me muito. O meu saudoso amigo Manuel Bastos ensinou-me muito do que eu quis aprender toda a entrega e respeito quie devia ter aquele que canta numa casa de Fado, mas nunca tinha tido um patrão assim"
Eo fadista sublinha " e posso dizê-lo agora, sem ar de "graxista" , o que não faz o meu género, e até já nem é meu patrão"
Miguel Capucho  foi contactado para a direcção artística "procurando manter o espírito que dia a dia ali se vive"

No entantorefere que "nuncana minha vidaconseguiria fazer um papel destes sozinho, esclarecendo que entendeu que o desafio que lhe tinha sido proposto apenas seria possivel "mantendo as vozes que sempre ali cantaram, que conhecem cada um como ninguém, que conhecem o legado do Mário como ninguém e que com ou sem a sua presença o iriam honrar.

Miguel Capucho além de cantar há 15 anos no Clube de Fado é manager de Cuca Roseta.
 

Fim do Ano

Fim do Ano

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade