AHRESP recomenda às empresas do sector uma utilização correcta de recursos

Ao longo dos últimos anos, a AHRESP tem desenvolvido um enorme esforço para sensibilizar as empresas para esta temática.

 

No dia em que se comemora o Dia Mundial do Ambiente, este ano dedicado à poluição do ar, a AHRESP reafirma o seu compromisso com a preservação e regeneração do ambiente recomendando às empresas do sector, o uso eficiente dos recursos, a desmaterialização, a reutilização, reciclagem e recuperação dos materiais.

As empresas do sector da restauração e bebidas, assim como do alojamento turístico, têm uma enorme responsabilidade na promoção do uso eficiente dos recursos, e somos dos sectores de actividade que há mais tempo mais tem feito em prol do ambiente e da sustentabilidade ambiental. No entanto, não depende, e nunca dependeu, só das nossas empresas a resolução dos problemas. Temos de insistir mais na formação, informação e sensibilização da população, pois os hábitos de consumo têm de ser alterados”, afirma Ana Jacinto, secretária geral da AHRESP.

Sempre fizemos parte da solução, e continuaremos a fazer, mas neste momento em que muito se fala no plástico descartável e na sua abolição, as nossas empresas continuam a não dispor de soluções que sejam uma verdadeira alternativa, dados os custos que representam os materiais substitutos ao plástico descartável”, alerta ainda.


Além de estar a implementar várias ações previstas no Plano de Ação para a Economia Circular, nomeadamente ao nível do combate ao desperdício alimentar, a AHRESP assinou com a Agência Portuguesa do Ambiente um Acordo Circular que visa dar continuidade à Campanha “Menos Plástico Mais Ambiente”, realizada o ano passado e pioneira em Portugal.


Os trabalhos de execução para a criação de um Sistema de Incentivo à devolução e depósito de embalagens de bebidas em plástico, vidro, metais ferrosos e alumínio tem sido, também, acompanhados pela AHRESP, que está atualmente a atualizar o Guia de Boas Práticas Ambientais AHRESP para as empresas do sector do alojamento, restauração e hotelaria.


Especificamente para os seus associados, a AHRESP disponibiliza informação sobre materiais alternativos ao plástico (de origem fóssil) para que as empresas possam cumprir a Diretiva relativa à redução do impacto de determinados produtos de plástico no Ambiente e que prevê restrições rigorosas a determinados produtos de plástico de utilização única (como os talheres, pratos, palhinhas, copos e alguns recipientes).

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade