Comité Mundial de Crise para o Turismo discute novas medidas

O Comité Mundial para a Crise no Turismo voltou a reunir para discutira coordenação, um elemento vital para a recuperação



Estabelecer protocolos de viagem coerentes e harmonizados, implementar medidas de segurança reforçadas e assegurar a protecção do emprego e dos meios de vida são os principais ingredientes necessários para a recuperações do Turismo.

Na sexta reunião do Comité Mundial de Crise para o Turismo foi recordado aos participantes que a única forma de avançar na recuperação sustentável do sector é o trabalho conjunto.
Os participantes na reunião comprometeram-se a criar um novo Comité da OMT sobre Protocolos Comuns de Segurança para aumentar a confiança nas viagens internacionais, bem como planos firmes para melhorar a protecção dos consumidores e medidas para proteger os postos de trabalho.
Marcando os temas da reunião, o secretário geral da OMT, Zurab Pololikashvili, salientou que a sobrevivência económica de milhões de pessoas está em jogo e que a inação não é uma opção. A recuperação rápida e sustentável do Turismo é essencial.

Neste contexto Pololikashvili, afirmou: “É necessária uma coordenação forte para acelerar o levantamento das restrições a viagens de forma segura, apar assim aumentar o investimento em sistemas que apoiem viagens seguras, incluídos os ensaios de saídas apoiando empresas e empregos.Se não abordarmos estas três prioridades não poderemos reiniciar o Turismo e deste modo não poderemos salvar milhões de postos de trabalho.”

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade