Batata portuguesa marca o seu regresso aos mercados nacionais

Pelo segundo ano consecutivo, a campanha de promoção “Batata Portuguesa – Nasce à sua Porta”, promovida pela PORBATATA, lembra os consumidores que a melhor escolha é a batata portuguesa

 

A campanha “Batata Portuguesa – Nasce à sua Porta” regressa mais uma vez aos hipers e supermercados portugueses.

Promovida pela PORBATATA – Associação da Batata de Portugal, esta iniciativa arranca no próximo dia 08 de Junho, tem como objectivo incentivar o consumo da produção nacional ao mesmo tempo que procura informar os portugueses sobre as vantagens nutricionais deste alimento.

A campanha, em parceria com a APED – Associação Portuguesa de Empresas de Distribuição e da APN – Associação Portuguesa de Nutrição, conta com o patrocínio do Ministério da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural.

A campanha estará presente em mais ou menos 800 hipers e supermercados, das várias cadeias aderentes, em cartazes e outros materiais disponibilizados nos pontos de venda.

Com a colheita de batata a decorrer em Portugal, o lançamento da campanha de promoção “tem como objectivo valorizar este tubérculo e reforçar junto dos consumidores que este deve ser consumido preferencialmente acabado de colher, o mais fresco possível – como qualquer outro ‘produto da época’.”
 
Por outro lado esta campanha salienta ainda que, pela proximidade da sua origem, “a batata portuguesa é mais amiga do ambiente, pois implica menos horas de transporte e menos gastos em energia de conservação.”


Na primeira edição da campanha de promoção da Batata Portuguesa, em 2018, sentimos que os consumidores portugueses, cada vez mais exigentes nas suas escolhas, estavam ávidos de informação sobre este produto. A batata está muito presente na nossa Dieta Mediterrânica, mas está associada a mitos e sabe-se pouco sobre ela, a sua proveniência, as variedades, as qualidades nutricionais. Esta segunda edição da campanha, que conta com mais insígnias da Distribuição aderentes, tem como objectivo estreitar esses laços de proximidade entre a produção e os portugueses”, afirma António Gomes, presidente da PORBATATA.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade