Museu do Oriente propõe ir ao Japão sem sair de Lisboa

Caligrafia, sashiko, furoshiki e kanzashi, são as artes tradicionais japonesas que convidam a uma viagem pela cultura do “país do sol nascente” em quatro workshops que o Museu do Oriente organiza no mês de Julho.

 

A viagem tem início a 04 de Julho com uma iniciação ao shodo, o ‘caminho da escrita’, e às suas principais técnicas, consideradas uma metáfora da própria vida ao reflectirem o estado de espírito do autor.

De acordo com a tradição nipónica, a “estação do ano e um poema haiku servirão de inspiração para que os participantes aprendam a desenhar um elemento de caligrafia japonesa.

A arte ancestral do sashiko permitiu, em tempos, tornar os tecidos mais fortes para que resistissem aos rigorosos invernos japoneses.

A 17 de Julho, no workshop “Alinhavos para Bordar – Sashiko Circular”, desafiam-se os aprendizes tecelões a aprofundar esta técnica, baseada em motivos geométricos, e aplicá-la a um motivo circular, para decorar um objecto de uso quotidiano, uma base para copos.

“Furoshiki para as Férias” é a sugestão para dia 24 de Julho, numa oficina ‘amiga do ambiente’ que ensina a transformar pedaços de tecido em embalagens ou invólucros de transporte, com apenas alguns nós e dobras. Com as férias a aproximar-se, vamos dizer adeus aos sacos de plástico e aprender a aplicar o furoshiki às necessidades desta época: embrulhar uma garrafa para um piquenique, transportar os nossos chinelos a caminho da praia ou carregar a fruta comprada no mercado.

Esta prática remonta ao período Edo (1603-1867) da história do Japão, quando era utilizada pelos senhores feudais para guardar os seus pertences enquanto frequentavam os banhos públicos. Hoje, a arte do furoshiki mantém a sua utilidade e a forte ligação ao património têxtil japonês.

Inspirando-se no Verão, o workshop de dia 31 de Julho ensina a criar um anel em Hana Kanzashi, as flores em tecido tradicionais do Japão.
 Segundo esta técnica, as várias pétalas são dobradas separadamente para, depois, se juntarem numa flor com múltiplas utilidades decorativas.


Paralelamente a este ciclo dedicado ao Japão, continuam a decorrer no Museu do Oriente as aulas regulares de Chi Kung, Dança Oriental, Violino para Adultos, Ioga – com sessões semanais gratuitas às sextas-feiras - e Tai Chi.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade