Enoteca 17•56 anuncia Festa de Fim de Ano com o Douro como pano de fundo

A Enoteca 17•56, o novo espaço da Real Companhia Velha à beira do rio Douro no Cais de Gaia, vai ser palco de uma festa de despedida do ano.


O registo exalta “a finesse da selecção vínica, amplamente destacada por colheitas desta bicentenária casa, para cada prato deste que é um manjar de reis, servido a rigor e com glamour até mesmo depois das doze badaladas.”

Deixando as frases bonitas sigamos para o menu do ‘Réveillon 2018’.
Começa com champagne Pol Roger Brut Millésime 2009 a acompanhar ostras, presunto Joselito e canapés de foie-fras. Depois do ‘Amuse-Bouche’, guardado no segredo dos deuses, é dada a vez a ‘Quinta do Síbio Arinto 2016’, um vinho branco da Real Companhia Velha, servido com a entrada: ‘Trio de Crustáceos - Lavagante, Lagostim, Sapateira’.
‘Carvalhas branco 2017’ é o néctar escolhido para harmonizar com o prato de peixe: ‘Robalo com Arroz de Bivalves’.
‘Carvalhas Vinhas Velhas tinto 2011’ é a colheita que melhor “casa” com o prato de carne: ‘Wagyu com Puré de Castanhas’.

Para a sobremesa, o ‘Praliné de Avelã’, está inscrito o ‘Grandjó Late Harvest 2013’.


A refeição dedicada à celebração deste ‘Réveillon 2018’ termina com uma ‘Selecção de Queijos’ acompanhada pelo ‘Real Companhia Velha Vintage 2001’.
Antes das 12 badaladas, mas já com a dúzia de passas preparada para o ritual da noite, ainda há tempo para o café ou o chá e os petit fours.

Guarde-se o fôlego, pois após a meia-noite é feito o brinde com espumante Real Companhia Velha. Segue-se uma mão cheia de referências vínicas para degustar em regime de bar aberto.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade