Duas tradições tocam juntas no São Carlos

Ronda dos Quatro Caminhos e a Orquestra Sinfónica Portuguesa  no São Carlos, num único concerto de apresentação do disco daquele agrupamento de música tradicional.

Unindo as sonoridades da música tradicional à suavidade da música clássica, a Ronda dos Quatro Caminhos, o Coro do São Carlos e a Orquestra Sinfónica Portuguesa juntam-se no próximo dia 22 de Maio quinta-feira, pelas 21.:00, para a apresentação  de "Tierra Alantre", num concerto único que contará ainda com a participação dos grupos Cantares de Évora e Rancho de Cantadores da Aldeia Nova de São Bento.

Lembramos que "Tierra Alantre" é o mais recente trabalho do agrupamento Ronda dos Quatro Caminhos, e significa em mirandês, caminho em frente.

A Ronda dos Quatro Caminhos é um grupo de música popular portuguesa criado em 1983, que tem como matriz principal a recriação das tradições musicais portuguesas.


O primeiro concerto do grupo aconteceu no final da Primavera de 1984 em Évora e em  2003 gravou o disco Terra de Abrigo, exclusivamente dedicado ao cante alentejano, com a participação da Orquestra Sinfónica de Córdoba e de oito Grupos Corais do Alentejo, numa proposta musical arrojada e inovadora.


Desde então, e com a Sinfonietta de Lisboa o projecto alargou o seu âmbito  a outras regiões do país, embora mantendo a forte incidência no Alentejo.
Daí a decisão de gravar um novo disco, incluindo o reportório do Minho, Trás-os-Montes, Beiras, Açores e Galiza, mantendo no entanto a forte matriz alentejana,


Ronda dos Quatro Caminhos
conta com António Prata - Guitarra, bandolim e coros, Carlos Barata - Acordeão, bandolim, adufe e voz, João Oliveira - Guitarra e voz solo, Mário Peniche - Baixo, Pedro Fragoso - Piano, sintetizador e voz e Pedro Pitta Groz - Bateria e voz

 

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade