Hoteleiros de Benidorm reclamam os 300 milhões gastos durante a pandemia

Os hoteleiros de Benidorm que agora reclamam a chegada dos fundos europeus, terão investido 300 milhões de euros durante a pandemia.


Os empresários de hotelaria de Benidorm terão investido uma soma de aproximadamente 300 milhões de euros no melhoramento e renovação de instalações, aproveitando deste modo o parêntesis que resultou da pandemia aproveitando para oferecer melhores condições aos clientes.

Segundo afirmação publicada do patronato da hotelaria da Comunidade Valenciana (Hosbec)
“esta aposta do sector privado contrasta com a indiferença que Benidorm evidenciou em relação às administrações que repartiram os primeiros Fundos Europeus de Recuperação Next Generation”, escreve Preferente.com. “Apesar de ser a terceira cidade peninsular em pernoitas turísticas, unicamente atrás de Madrid e Barcelona, e ter um investimento privado muito superior do que qualquer outro destino, estes critérios não parecem ser relevantes para os responsáveis pelos fundos que não foram valorizados no que respeita à distribuição da primeira remessa”, lamenta-se.

A organização entende que “ a iniciativa privada tem de ser acompanhada por uma actualização junto do publico” para o qual é necessário e fu ndamental que cheguem à localidade os Next Generation da União Europeia


“Por outro lado Benidorm sofre de um financiamento ínfimo dos seus municípios pelo que o “maná europeu” é um instrumento para compensar esta falta de recursos habituais. A finalização de obras tão essenciais como o centro cultural, a mobilidade sustentável ou importantes investimentos em locais turísticos, como os passeios de Levante e Poente, são elementos que podem renovar e transformar Benoidorm num modelo de turismo futuro sustentável, inovador e responsável em que estamos comprometidos” afirma em conclusão.


pueden renovar y transformar Benidorm hacia ese modelo de turismo futuro sostenible, innovador y responsable en el que estamos comprometidos”, concluye.

RIU Hotels & Resorts

#EstamosON

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade