Barcelona revela números assustadores na redução de turistas

Barcelona revela números assustadores na redução de turistas
Divulgação

Barcelona passou de um acolhimento de 58 mil turistas por dia para 2500 por semana

Jordi Mestre, presidente do Gremi Hoteis de Barcelona lançou o alarme sobre a situação que vive o sector turístico na capital catalã.

Os poucos hotéis abertos registam ocupações médias de 5%, segundo afirmou Mestre numa entrevista a  La Vanguardia.

Mestre alerta para gravidade da situação que o sector hoteleiro vive em Barcelona. De 58 mil turistas por dia passou para 2500 por semana


De um total de 450 unidades em Barcelona, 132 estão abertos com uma ocupação de 5% e uma queda de preços entre 50% e 60% em relação a uma situação normal. De facto abriram porta 157 mas ultimamente encerraram 25”sublinha Jordi Mestre.

No entanto, o Gremi de Hoteis assegura que não chegou nenhuma suspensão de pagamentos por parte dos proprietários de hotéis. Perante esta situação, o patronato da hotelaria  de Barcelona exige 500 milhões a fundo perdido.

 “Há vários meses que pedimos ajuda, senão muitos de nós chegaremos a uma possível liquidação, fecho de portas e colaboradores na rua; ou vendas a qualquer preço a outras companhias. Este é o panorama”, lamenta o hoteleiro que acrescenta ”que empresa aguenta oito meses sem entrada de dinheiro e particularmente os hotéis que não fabricando não podemos armazenar produção? A mim já me chamaram várias vezes alguns fundos de abutres

Mestre explica que os hoteleiros de Barcelona há mais de oito meses que não facturam e dão o ano como perdido. ”Até 2022 ou 2023 não recuperaremos economicamente” declarou a La Vanguardia.

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade