Solférias propõe a visita a São Tomé e Principe

Solférias  propõe a visita a São Tomé e Principe
Solferias

Com partidas aos domingos,terças,quintas e sábados e reservas até 31/19/20, voe na TAP para São Tomé, num programa de sete noites a partir de €843



São Tomé e Príncipe fica no Golfo da Guiné, mesmo junto à linha do Equador.
O clima é equatorial, quente e húmido, com temperaturas médias anuais que variam entre os 22°C e os 30°C.

 Fundada em 1485, pelos portugueses, a cidade de São Tomé tem  vários monumentos que merecem uma visita como a catedral do século XVI, o Forte São Sebastião, construído em 1575, o Museu Nacional e o Palácio Presidencial.

    Saindo um pouco da cidade, pode visitar a Roça Monte Café, a Roça Agostinho Neto, a Baía Azul, o Jardim Botânico e Anambó.
Aqui encontra-se autenticidade, uma língua e uma história em comum. Num ambiente descontraído, em São Tomé, sente-se no ar a força da natureza selvagem, onde abundam os coqueiros, combinado com os doces aromas do cacau e do café.
Mas a lembrar a presença portuguesa encontra as antigas roças exploradas por portugueses do período colonial. Embora muitas ainda estejam por recuperar, tendo sido absorvidas pela selva, tem vindo a ser feito um trabalho de recuperação deste património, dando-lhe uma nova vida.

    O Ilhéu das Rolas, um espaço diferente, situa-se a sul da Ilha de São Tomé.
Com a particularidade de ser atravessado pela Linha do Equador, o acesso ao ilhéu realiza-se unicamente de barco, a partir de Porto Alegre. É obrigatória a visita e uma foto para as redes sociais no marco geodésico que assinala a linha do Equador.

    A Ilha do Príncipe, reserva da Biosfera, é a menor ilha do arquipélago de São Tomé e Príncipe. No entanto não deve deixar de descobrir a praia Banana, o miradouro da roça Belo Monte e a praia Évora.

    A gastronomia resulta da utilização dos produtos disponíveis na região, embora tenha alguma influência da cozinha portuguesa.
Aqui, o peixe e o marisco são sempre frescos e saborosos e a abundância de vegetais e frutos acompanham estes pratos. A banana é um fruto muito popular e é preparada de várias formas: cozida, frita ou assada.

    O calulu é um prato tradicional semelhante a uma sopa, confecionado com peixe seco ou carne, e servido com puré de banana ou arroz cozido.

    Dos produtos agrícolas produzidos actualmente em São Tomé destaca-se o cacau, que dá origem a um chocolate único. Também a baunilha, “destinada a aromatizar a vida”, é produzida em São Tomé.

    Em São Tomé, embora não exista riqueza, a vida parece fácil, os sorrisos iluminam os rostos das crianças, a natureza fornece a alimentação, a paisagem é avassaladora e as praias desertas e deslumbrantes.

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade