Cruzar oceanos e continentes para realizar um promocional são os realizadores de cinema

Art&Factory  face ao sucesso da iniciativa a organização vai repeti-la este ano

 

Uma equipa profissional de produção audiovisual tem de realizar um bom filme sobre uma região que nunca visitou, em apenas seis dias e com orçamento zero, só tem engenho e arte.
A questão a saber é se um filme produzido nestas condições “consegue competir em certames internacionais, em pé de igualdade com produções de grandes orçamentos?


É a resposta a esta questão que o Festival ART&TUR tentou encontrar em 2018 e repete em 2019, talvez porque a resposta ainda não foi encontrada.

A competição durou só seis dias, e as equipas lideradas por realizadores profissionais, e constituídas por quatro elementos cada, competiram pela produção do melhor filme dedicado a Aldeias Históricas ou Aldeias de Xisto do Centro de Portugal.

Responderam ao desafio equipas do Japão, da Índia, da África do Sul, do Brasil, da Holanda/Roménia e do Paquistão/EUA. O vencedor da competição Art&Factory 2018 foi a equipa brasileira do Estúdio Eureka, com o filme “Inside” (ver aqui: www.youtube.com/watch?v=PWP-k8OAQhg), o qual obteve em seguida prémios no Japan World’s Tourism Film Festival (Osaka, Japão), no Terres Travel Festival em Espanha, e no Tourfilm Zagreb, Croácia, na sexta-feira passada.

Note-se que os prémios obtidos no Japão, Espanha e Croácia se devem exclusivamente à qualidade do filme, pois o júri desses festivais não sabe em que condições ele foi produzido.

Uma vez provado que “o engenho e a arte” fazem milagres no domínio do audiovisual de turismo, a organização do Festival ART&TUR decidiu repetir a receita.


Desta vez, o foco da competição é o concelho onde se realiza o Festival ART&TUR 2019: Torres Vedras e o seu património natural e histórico-cultural (gastronomia, praias, surf, vinhos e vinhedos, Linhas de Torres, etc..). Entre os dias 17 e 23 de Outubro, competem pelo troféu “Audiovisual Creativity Award - Art&Factory 2019” quatro equipas estrangeiras, sendo que três delas são reincidentes: a equipa do Brasil, liderada por Marco Calábria; a equipa do Japão, liderada por Tsuyoshi Kigawa; e a equipa do Paquistão/EUA, liderada por Imran Khan e Cedric O'Bannon. Uma nova equipa japonesa, liderada por Naoyuki Matsudaira, decidiu também mostrar o seu valor.

Os filmes do Art&Factory 2019 serão apresentados em estreia, perante o Júri Internacional do Festival ART&TUR, no Teatro Cine da Torres Vedras, no próximo dia 24 de Outubro, a partir das 17:50, com entrada livre para o público.

A edição de 2019 do ART&TUR – Festival Internacional de Cinema de Turismo vai realizar-se de 22 a 25 de Outubro, em Torres Vedras. Já na sua 12.ª edição, o Festival ART&TUR é um evento ímpar no panorama nacional e internacional dos festivais de cinema, com um prestígio e notoriedade que crescem de ano para ano.

A concurso estarão filmes de turismo provenientes de todo o mundo, em duas secções competitivas: a TourFilm, que integra produções audiovisuais de promoção turística, e a DOC, com documentários e programas de televisão.

Este ano, foram submetidos filmes de 52 países, de todos os continentes. No total, são 331 filmes a concurso: 219 filmes submetidos à competição internacional e 112 filmes submetidos à competição nacional.

Os filmes serão exibidos em vários espaços da cidade de Torres Vedras e da praia de Santa Cruz. A entrada é gratuita, mediante inscrição no website do Festival (disponível durante o evento).

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade