Turismo de Portugal não facilita o trabalho de jornalistas na Fitur

Turismo de Portugal não facilita o trabalho de jornalistas na Fitur
Turismo de Portugal

Directora do Turismo de Portugal, em Espanha, não sabe qual "a agenda da secretária de Estado do Turismo é actualizada de dois em dois minutos".

Depois de mais de uma hora para  entrar na Fitur chegámos ao stand de Portugal.
Solicitámos se poderíamos deixar a mochila e o casaco mas foi-nos dito de forma demasiado agressiva que os “cacifos eram só para os expositores”.

Perguntámos na área técnica se era possível deixar as nossas coisas, que nos responderam que sim. Mas, Rita Lino, que nos persegue, decide gritar "não vos quero aqui, ponham-se na rua já". Tentámos explicar, mas fomos interrompidos pelos seis gritos dizendo que estávamos "a invadir o espaço". Um pouco mais tarde, com a autorização do Presidente da Turismo Centro de Portugal para usar o cacifo deles, a perseguição e os gritos continuam dizendo "não autorizo que ponham aqui nada". Embora acompanhados pela técnica da Turismo Centro, que explicou que nós tínhamos autorização, Rita Lino grita dizendo "não têm de usar os cacifos. Saiam já!!!"

No entanto agradecemos ao Presidente e à sua equipa a facilidade e disponibilidade.


À pergunta sobre a possibilidade de ter um programa foi-nos dito que não havia programa da Secretária de Estado na Feira, estabelecido.
Mas isso acabou por não prejudicar o nosso trabalho, uma vez que Rita Marques após a entrevista à RTP prestou declarações à O Turismo.PT .

QATAR turismo

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade