Turismo de Portugal continua impedido de participar em Feiras

Turismo de Portugal continua impedido de participar em Feiras
O Turismo . PT

O Turismo de Portugal continua a estar impedido, pelo Tribunal, de participar em feiras internacionais. Estarão apenas as delegações do país onde a feira decorre.

 

Este impedimento resulta da impugnação do concurso público para a construção do stand do Turismo de Portugal, ganho pela Multilem-Design e Construção de Espaços SA.

Questionado sobre a resolução desta situação, Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, referiu apenas que “Portugal é um Estado de direito e temos tribunais, existiu uma impugnação do concurso público e uma decisão do tribunal de que nós não podíamos ir às feiras”. O dirigente salientou que foi alegado o interesse público para levantar a providência cautelar e “continuamos a alegar”, mas “estamos à espera da decisão do juiz que nos permita ir às feiras e que levante a providência cautelar que foi instaurada”, noticiou o Publituris.

Até então, a participação de Portugal tem sido garantida pelas Agências Regionais de Promoção Externa, como foi o caso da WTM Londres, assegurada pela Associação de Turismo do Algarve.

As seguintes, como a IBTM Barcelona ou a FITUR, em Madrid, serão asseguradas da mesma forma.

Neste sentido, o presidente do Turismo de Portugal aproveitou para agradecer este esforço das agências: “A participação nas feiras tem sido suportada pelas agências e pelas entidades a quem agradeço publicamente e mais uma vez e acho que é esse trabalho que deve ser cada vez mais feito”.

Ao O Turismo.PT, fonte do Turismo de Portugal disse "não faz qualquer sentido ter as delegações a trabalhar da forma que estão a trabalhar", acrescentando que "é da competência exclusiva do Turismo de Portugal" esse trabalho. A mesma fonte concluiu que "não existe muita vontade para que a situação se resolva rapidamente".

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade