Adega de Palmela ganha mais uma medalha de ouro

O concurso Selezione del Sindaco 2019, realizado entre 30 de Maio e 02 de Junho, em Frascati, Itália, atribuiu ao Adega de Palmela

 

Moscatel de Setúbal 10 anos a Grande Medalha de Ouro e os Adega de Palmela Moscatel de Setúbal DOC 2016, Villa Palma Reserva Tinto 2015 e Vale dos Barris Castelão 2017 com medalha de Ouro. 

O Adega de Palmela Moscatel de Setúbal 10 anos que conquistou a medalha mais importante do concurso é obtido a partir da fermentação de uvas Moscatel, interrompida através da adição de aguardente vínica, maceração pelicular durante um período mínimo de cinco meses.

Neste lote foram usadas várias colheitas onde a mais recente tem pelo menos 10 anos.

O Adega de Palmela Moscatel de Setúbal 2016 é obtido a partir da fermentação de Uvas de Moscatel, interrompida através da adição de Aguardente Vínica. Apresenta uma cor âmbar com alguns reflexos dourados e aroma a cascas de laranja, mel, frutos secos e chá apresenta sabor fresco bem equilibrado e com boa persistência.

O Villa Palma Reserva Tinto 2015 tem uma fermentação cuidada e uma maceração pelicular prolongada, seguidas de um estágio de 8 meses em barricas de carvalho francês e americano. Com uma cor rubi e um aroma a frutos vermelhos é um vinho ideal para acompanhar todos os pratos de cozinha tradicional, pratos de caça, carnes grelhadas, queijos e bacalhau.

Por fim, o Vale dos Barris Castelão 2017 apresenta uma cor granada intenso, um aroma a frutos silvestres maduros, compota, complexadas com notas de madeira nova. De sabor macio, com boa estrutura e taninos aveludados, termina com um final de boca prolongado com sugestões de baunilha, café e algumas notas de chocolate.

Este ano foram atribuídas 32 Medalhas de Grande Ouro e 358 Medalhas de Ouro. Das 32 medalhas de Grande Ouro, 11 vieram para Portugal e 21 foram atribuídas a vinhos italianos.


O concurso é organizado pela Associação Città del Vino, pela Recevin - Rede Europeia de Cidades do Vinho e pela AMPV - Associação de Municípios Portugueses do Vinho. Entre os 85 jurados, 17

eram portugueses. No total, foram avaliados 1250 vinhos, de quase 500 casas italianas e estrangeiras 

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade