Património Natural do Algarve para descobrir no “Guia dos percursos pedestres”

“Guia dos percursos pedestres” com 51 rotas permite descobrir “o património natural” da província algarvia



Quem gosta do contacto com a natureza e de aventuras ao ar livre, sozinho ou acompanhado entre serras vales e montanhas rios e lagos, pode recorrer ao Guia de Percursos Pedestres que certamente será uma boa ajuda.


“No total, são propostos 47 percursos de pequena rota (com menos de 30 km) e resumos de quatro percursos de grande rota (com mais de 30 km) existentes na região”.

Seja a desbravar caminhos de terra ou por troços empedrados ou em passadiços de madeira, onde se pode ser surpreendido por um coelho-bravo, encontrar um sapal ou um antigo moinho”, são muitas as sugestões para os caminhantes irem à descoberta desfrutando de um agradável passeio a pé, pela região.

Para tal, o guia deixa conselhos práticos, nomeadamente o tipo de vestuário e o equipamento que deve ser considerado.

Com cerca de 240 páginas, também disponíveis em formato digital, o guia é composto por um conjunto de conteúdos detalhados, onde sobressaem as imagens ilustrativas e mapas indicativos. Há ainda informações úteis associadas a cada percurso, como a distância total a percorrer, a duração média e as características, mas também a época aconselhada para fazer cada visita.

A selecção dos actuais 51 percursos incluídos no guia, mais 14 do que na edição anterior, decorreu após inúmeras saídas de campo e avaliação de um conjunto de critérios, nomeadamente a inclusão de, pelo menos, um percurso por concelho, o estado de conservação, a segurança, a existência de material de divulgação, de painéis de informação e sinalética, a presença de valores naturais, paisagísticos e culturais relevantes, e a existência de singularidades.


Para as 47 pequenas rotas, o guia está organizado de acordo com cinco áreas: Costa Vicentina, Litoral Sul, Barrocal, Serra e Guadiana. No final foram incluídos resumos da Via Algarviana, Rota Vicentina, Grande Rota do Guadiana e Percurso Descoberta, as quatro grandes rotas.


Para o presidente da Região do Turismo do Algarve, «a nossa aposta em promover o Turismo de Natureza tem sido promotora de uma actividade turística cada vez mais sustentável. No actual contexto, as actividades ao ar livre, praticadas individualmente ou em pequenos grupos, que decorrem em espaços naturais e que percorrem territórios de baixa densidade, são também uma alternativa que atende às necessidades e preocupações de mutos turistas», conclui João Fernandes.


O «Guia de Percursos Pedestres do Algarve» foi editado no âmbito da candidatura Algarve Natural – Promoção e Valorização do Património Natural do Algarve, projecto cofinanciado pelo CRESC Algarve 2020 – Programa Operacional Regional do Algarve, e pode ser descarregado gratuitamente no canal «Multimédia» do site visitalgarve.pt

 
 

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade