Rita Marques e Luís Araújo visitam o Algarve e vão debater com empresários algarvios do sector

por: António Manuel Teixeira
Rita Marques e Luís Araújo visitam o Algarve e vão debater com empresários algarvios do sector
O Digital.pt

A Secretária de Estado do Turismo, Comércio e Serviços e o Presidente do Turismo de Portugal visitam o Algarve, a 02 de Agosto, para se discutir vários problemas existentes na região, nomeadamente a problema da falta de água.

Na agenda leva temas como: "emprego no sector do turismo, a eficiência hídrica dos empreendimentos turísticos e dos campos de golfe, bem com a dinâmica da actividade comercial na cidade de Faro, numa fase em que se verifica a retoma da actividade", refere o seu gabinete em comunicado.

A ocasião servirá para Rita Marques, que estará acompanhada por Luís Araújo, debater com os empresários algarvios do sector do turismo as novas oportunidades criadas quer pela alteração da chamada “Lei dos Estrangeiros” (Lei 23/2007), aprovada pela Assembleia da República no dia 21 de Julho de 2022, quer pelo acordo de mobilidade com países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa - CPLP, Marrocos e Índia, iniciativas que visam responder à procura de mão-de-obra qualificada num dos sectores da Economia onde existe maior carência de capital humano.

A sustentabilidade da actividade turística, e em concreto o consumo de água, é outra das grandes preocupações que motivam a visita da governante ao Algarve, cuja oferta associada ao sol e mar e ao golfe foi por diversas vezes premiada internacionalmente. Numa altura em que 76% dos empreendimentos turísticos da região (superior à média nacional de 70%) já implementam medidas de eficiência hídrica, que vão desde a simples mudança de toalhas e lençóis apenas a pedido dos hóspedes, até ao uso de água de qualidade inferior na rega ou nas lavagens, pretende-se definir um conjunto de medidas adicionais para reduzir o consumo de água nos empreendimentos turísticos da região. Também na área do golfe, a Agência Portuguesa do Ambiente e as equipas de manutenção dos campos de golfe da região "estão a definir e implementar importantes medidas de redução do consumo e de usos alternativos de fontes de água, incluindo a rega com aproveitamento de águas residuais tratadas", refere o comunicado.

O programa da visita inclui também a passagem por Vale do Lobo, um exemplo de smart resort cujas práticas se pretende generalizar a todo destino, razão pela qual o Turismo do Algarve desenvolveu um plano de acção designado “Algarve Smart Destination”.

A terminar a visita à região, e dando resposta ao repto lançado por representantes do sector em reunião recentemente realizada no Algarve e promovida pela Confederação de Comércio e Serviços de Portugal, a Secretária de Estado visitará estabelecimentos de comércio local na Baixa de Faro, com "o objectivo de identificar mais políticas públicas dirigidas ao reforço competitivo do Comércio e dos Serviços".

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade