Mercados emissores europeus prevêm fluxo de turistas no Verão

por: Zita Ferreira Braga
Mercados emissores europeus prevêm fluxo de turistas no Verão
Mercados emissores

`A semelhanaça de Schiphol em Amsterdão também Heathrow em Londresdecidiu limitar o uso das sua intalações

.


Tal como aconteceu no Aeroporto Schiphol de Amsterdão e também, o Aeroporto Heathrow de Londres limitará o uso de suas instalações neste Verão a 100.000 passageiros por dia. Para atingir esse objectivo, a entidade gestora do aeroporto solicitou às companhias aéreas para pararem de vender mais passagens para a época alta. O limite de capacidade entrou em vigor a 12 de Julho e terminará a 11 de Setembro.


O Administrador Executivo do aeroporto de Heathrow, explicou que é o valor máximo com o qual  todos os operadores podem trabalhar durante o Verão. Este valor resulta de uma avaliação realizada, que incluiu o número de partidas das companhias aéreas, o número de funcionários disponíveis nas operações terrestres e a dimensão da estrutura do aeroporto.

As previsões mais recentes indicam que, apesar da liberdade de incumprimento (a isenção de funcionamento de todos os slots, estabelecida pelo governo britânico), os passageiros diários a embarcar durante o Verão serão em média 104.000, o que dá um excesso diário de 4.000 lugares nas aeronaves.

Até ao momento, em média, apenas cerca de 1.500 desses 4.000 assentos diários foram vendidos aos passageiros. Com base nestas previsões foi pedido às companhias aéreas que operam neste aeroporto que parem de vender passagens de Verão como forma de mitigar o impacto sobre os passageiros.


O aeroporto de Heathrow registou um crescimento do número de passageiros de 40 anos em apenas quatro meses, o constituiu um grande desafio conseguir fazer face às necessidades de pessoal do aeroporto. Estima-se que os trabalhadores ligados à segurança voltem aos níveis pré-pandemia até o final de Julho.


Do mesmo modo também as companhias aéreas estão a ter problemas de pessoal. Precisamente devido à falta de pessoal, a British Airways anunciou na semana passada que cancelará mais 10.300 voos entre Agosto e Outubro, a partir dos aeroportos de Heathrow, Gatwick e London City, somando-se aos 1.000 entretanto já anunciados. Todos, estes voos são de rotas de curta distância que afectam destinos de férias em Espanha, Portugal e Grécia, embora os voos cancelados ainda não tenham sido especificados.


De salientar que o transporte aéreo está a enfrentar uma escassez de funcionários especialmente nas áreas da segurança, check-in, carregadores, manuseadores de bagagem e tripulação de cabine.

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade