Portugal desaconselha viagens para o Siri Lanka

por: Zita Ferreira Braga
Portugal desaconselha viagens para o Siri Lanka
SRi Lanka

Portugal desaconselha viagens não essenciais ao Sri Lanka



O Ministério dos Negócios Estrangeiros português desaconselha todas a viagens não essenciais ao Sri Lanka, que enfrenta actualmente “uma grave crise política e económica, com falta de alimentos, medicamentos e combustíveis”.

“Na região metropolitana de Colombo, têm ocorrido violentos confrontos entre a população e as forças policiais”, indica o aviso publicado ontem, dia 12, que recomenda sejam “evitadas zonas com aglomerações de caráter político e junto dos edifícios públicos”.“Deverão ser seguidos os conselhos das autoridades locais, mantendo-se os viajantes vigilantes e atualizados com a informação veiculada pelos media”, acrescenta o aviso.

“Estão, assim, desaconselhadas todas as viagens não essenciais a este país”, salienta o Ministério.

O Governo do Sri Lanka declarou hoje o estado de emergência, após o presidente, Gotabaya Rajapaksa, ter fugido do país.


Nos últimos dias, os manifestantes ocuparam vários edifícios governamentais, exigindo a demissão dos principais líderes políticos.


O primeiro-ministro do Sri Lanka, Ranil Wickremesinghe, segundo uma notícia da Lusa citada na imprensa portuguesa, foi nomeado presidente interino.

 

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade