Turismo do Brasil destaca cinco destinos acessíveis para descobrir no interior do país

Turismo do Brasil destaca cinco destinos acessíveis para descobrir no interior do país
Viagem e Turismo

A região do interior é umas das zonas de destaque para o Turismo do Brasil, com opções mais acessíveis para as famílias e com atracções culturais, históricas e naturais.

A Embratur - Agência Brasileira de Promoção Internacional do Turismo pretende atrair mais turistas para o interior do país, numa iniciativa que idealiza dinamizar a economia das regiões, dando a conhecer novos destinos e atracções mais acessíveis, que se ajustam a vários públicos.

“O interior do Brasil está repleto de destinos bonitos, cheios de natureza e de paz – elementos que sabemos que os turistas têm procurado mais, muito em parte devido à pandemia”, explica Carlos Brito, Presidente da Embratur. “Nestes destinos, que acabam sempre por ser mais económicos e acessíveis financeiramente, é possível receber famílias, casais e turistas vindos de todo o mundo.”

A Embratur reuniu cinco sugestões de destinos, roteiros, actividades e atracções turísticas que se podem descobrir no interior do território brasileiro – nomeadamente no Estado de Minas Gerais.

Classificado como um dos dez destinos mais incríveis do Brasil, Inhotim está localizado a 60km de Belo Horizonte, na cidade de Brumadinho.

Aqui, fica localizado o Instituto Inhotim – um museu de arte contemporânea e Jardim Botânico. A sua localização privilegiada conta com paisagens exuberantes ao longo dos 140 hectares de visita e com mais de 4,3 mil espécies botânicas raras vindas de todos os continentes, que proporcionam uma experiência única. É possível ver cerca de 700 obras de mais de 60 artistas de quase 40 países - exibidas ao ar livre e em galerias, dentro do Jardim Botânico. 

 A Estrada Real possui mais de 1.600km de extensão e é, actualmente, a maior rota turística do Brasil. É composta por quatro caminhos distintos que abrangem pelo menos 160 municípios pelos estados de Minas Gerais, Rio de Janeiro e São Paulo, numa rota que incorpora diferentes tipos de turismo - como o turismo gastronómico, cultural, religioso, turismo rural, ecoturismo e aventura.

Em todos os caminhos estão localizadas pousadas aconchegantes, urbanas e rurais. Neste local é possível ainda acampar ou ficar hospedado nas casas de moradores locais.

Ouro Preto é uma cidade colonial na Serra do Espinhaço, na zona leste do Brasil, conhecida pela arquitectura barroca - que inclui pontes, fontes e praças, e pelas ruas calcetadas íngremes e sinuosas. O clima é húmido no Verão e seco no Inverno – Dezembro e Janeiro são os meses mais chuvosos.

A Diamantina é um lugar com muita arquitectura, cultura e natureza – sendo uma das cidades históricas mais conhecidas e visitadas do Brasil. Tem vários pontos de inspiração barroca, construções históricas e igrejas seculares.

Algumas das principais atracções da região são o Parque Estadual do Biribiri, a Vila do Biribiri e a Casa Glória.

Por último, a região de Congonhas é Património Cultural da Humanidade desde 1985, e é mais conhecida por abrigar o Santuário do Bom Jesus de Matosinhos. Este local é ainda casa de um dos maiores patrimónios artísticos do Brasil – as obras executadas por António Francisco Lisboa, o “Aleijadinho”.

RIU Hotels & Resorts

#EstamosON

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade