Reino Unido prepara-se para cancelar as viagens internacionais

Reino Unido prepara-se  para cancelar as viagens internacionais
Divulgação

A falta de vacinação na Europa poderá ser uma das razões de tal medida


A 17 de Maio, Londres tinha prometido aos britânicos que poderiam viajar. De facto entre 12 de Abril, 17 de Maio e meados de Junho estava previsto que seriam levantadas todas as restrições (Reino Unido permitirá viajar para o estrangeiro a partir de 17 de Maio)

Isto continua em vigor porque os casos de coronavírus continuam a diminuir, a mortalidade agora é mínima e parece que com trinta milhões de vacinados a epidemia começa a estar controlada. No entanto viajar para Europa é um risco que pode deitar tudo a perder

O ministro Grant Shapps, afirmou que: é muito cedo para afimar se haverá férias este Verão”.

Um grupo de assessores publicará a 12 de Abril se se abrem as fronteiras e como.

No entanto o director clínico de Escócia, Jason Leitch afirmou que “é pouco provável que se possa viajar” devido ao número de casos no Continente.

Também Tildesley, um dos médicos assessores do governo, expressou publicamente o receio de que os turistas possam trazer para o Reino Unido, variantes do vírus que hoje quase não existem no país.
Penso que este Verão, as viagens ao estrangeiro são lamentavelmente muito pouco prováveis. Corremos o risco de que os britânicos possam trazer muitos vírus, incluindo variantes que são difíceis de controlar com as actuais vacinas

Por seu lado  Andrew Hayward, outro membro integrante do Sage, o nome dado à equipa científica assessora do Governo afirmou que “Em muitos lugares da Europa expande-se a variante sul africana do vírus para a qual é difícil encontrara hoje uma vacinação efectiva”

Texto preferente.com (tradução)

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade