"Viva a Autonomia Municipal", um centenário em exposição nos Paços do Concelho.

por: Zita Ferreira Braga
É inaugurada dia 16 de Abril, pelas 17:30h, nos Paços do Concelho, a exposição "Viva a Autonomia Municipal!" O Congresso Municipalista de Lisboa (1909-2009), integrada nas cerimónias comemorativas daquele centenário.

Na cerimónia de inauguração estarão presentes, para além de outras individualidades, o Presidente da edilidade, Dr. António Costa e o Presidente da Associação Nacional de Municípios, Dr. Fernando Ruas.

Em Abril de 1909 a convite da autarquia lisboeta reuniram-se nos Paços do Concelho representantes de mais de metade das autarquias portuguesas entre monárquicos e republicanos todos eles pugnando pela mesma causa: a Autonomia Municipal.

Foi o primeiro Congresso Republicano, iniciativa da recém eleita Vereação Republicana, que durante seis dias debateu os problemas da municipalidade.

E passados que são cem anos a Câmara Municipal de Lisboa decidiu mostrar aos lisboetas e a quem mais queira visitar a exposição o que se passou nesse primeiro Congresso Municipalista de Lisboa, organizado por Republicanos em plena Monarquia.

As influências no municipalismo republicano, a bandeira do regime emergente; como decorreram os trabalhos do Congresso e as teses apresentadas; como a Câmara soube bem receber os congressistas, oferecendo-lhes um variado programa de visitas e entretenimento; como era a Cidade em 1909; quais os Ecos & Notícias na Imprensa que acompanhou o evento diariamente; e por último qual a herança do Congresso durante a vigência da I República.
No entanto vejamos o que mudou passados que foram 100 anosapós a realização do Congresso Municipalista de Lisboa.

Mas os assuntos são os mesmos, melhor, as questões em presença, são as mesmas: a autonomia municipal, a descentralização, a regionalização.
Ouvir o que se disse em 1909 e fazer a ponte para o século XXI, é a proposta das comemorações.
Uma memória para quem em 3009 viva nesta Lisboa possa constatar que algo mudou ou será que nem um século mais modifica esta cidade linda, ou será que a política de pacotilha, como diria Eça, hoje vigente, continuará a ser seguida, e vai  manter esta Lisboa sempre maravilhosa, nesse retraso com que cohabitamos mais ou menos pacificamente? 

Mídia

NULL

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade