Última exibição de “Amor de Perdição” em Guimarães

por: Zita Ferreira Braga
Última exibição de “Amor de Perdição” em Guimarães

O Centro Cultural de Vila Flor, em Guimarães, vai ser o palco da última encenação da ópera “Amor de Perdição” que comemora este ano o centenário da primeira e única exibição no Teatro São Carlos.

A Orquestra Sinfónica da Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo (ESMAE), em colaboração com alunos da Universidade de Aveiro e do Ballet Teatro Escola Profissional, encerra assim uma série de espectáculos que passou um pouco por toda a região Norte.

No próximo sábado, dia 31, a derradeira encenação da ópera vai ficar registada para a história com a gravação do espectáculo pelo núcleo de Vídeo e Som da ESMAE.

A ópera sobe ao palco do Centro Cultural de Vila Flor pelas 22:00h.
O preço dos bilhetes varia entre os 10 e os 15€. 

No próximo dia 31 de Janeiro, no Centro Cultural de Vila Flor, em Guimarães, cabe à ESMAE transmitir ao público, através da música, os sentimentos do “Amor de Perdição” de Camilo Castelo Branco. O Coro do Centro de Estudos de Ópera e Teatro Musical da Universidade de Aveiro e o Ballet Teatro Escola Profissional completam a lista de intérpretes.

António Saiote é o maestro que conduz a Orquestra Sinfónica da ESMAE neste desafio em que a coreógrafa é Leonor Zertuche e Marcos Barbosa o encenador.

Da autoria de João Arroyo, "Amor de perdição" é uma ópera em três actos, com libreto de Francisco Bernardo, baseado na obra de Camilo Castelo Branco. A versão portuguesa do libreto é da responsabilidade de Maria João Braga Santos (1º e 2º actos) e de Alexandre Delgado (3º acto).

Ficha Técnica

Director artístico
António Salgado

Maestro
António Saiote

Encenador
Marcos Barbosa

Personagens / Cantores

Tadeu d’Albuquerque, pai de Teresa - Rui Silva /António Salgado
Teresa d’Albuquerque, sua filha - Marina Pacheco
Baltasar Coutinho, primo e pretendente de Teresa - José Lourenço
Margarida, sua irmã - Ana Barros
Simão Botelho, filho de Domingos Botelho - Manuel Soares/Mário João Alves
Mariana da Cruz, filha do ferreiro João da Cruz - Luísa Barriga
Abadessa do Convento de Monchique no Porto - Ângela Alves
Freira do Mosteiro de Viseu - Susana Milena
Nobres e Damas, amigos da família Albuquerque, Populares, Polícias,
Soldados, Marinheiros, Freiras, Monges e um Padre - Coro do Centro de Estudos em Ópera e Teatro Musica da Universidade de Aveiro (CEOTM-UA)

Coreografia e assistência de encenação
Leonor Zertuche

Concepção Plástica
Marcos Barbosa (Coordenação)
Leonor Zertuche (Luz)
Fernando Ribeiro (Cenografia)
Rodrigo Areias (Vídeo)
Ricardo Freitas (Vídeo)
Susana Abreu (Figurinos)
Fernando Lemos (Técnico de Cenografia)
Sara Amado (Design Gráfico)
Pedro Carvalho (Direcção Técnica)

Orquestra
Orquestra Sinfónica da Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Instituto Politécnico do Porto (ESMAE)

Coro
Coro do Centro de Estudos em Ópera e Teatro Musical da Universidade de Aveiro

Bailarinos - Ballet Teatro Escola Profissional
Alexandra Nogueira Dupont
Bruno Brazete Fernandes
Inês Monteiro Ribeiro
Natasha Rochelle da Silva Alves
Pedro Miguel Jacobetty França
Tiago Ismael Monteiro Rocha

Mídia

NULL

RIU Hotels & Resorts

Artigo de Opinião

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade