Homero Ferreira, autor do tema ‘Me dá um dinheiro aí’, morreu aos 86 anos

Homero Ferreira, autor do tema ‘Me dá um dinheiro aí’, morreu aos 86 anos
Leonardo Aversa /O Globo

O compositor de um dos maiores sucessos do carnaval, Homero Ferreira, foi enterrado no passado dia 03 de Fevereiro em Botafogo, Rio de Janeiro.

O autor de um dos maiores sucessos do carnaval, "Me dá um dinheiro aí", Homero Ferreira nasceu numa família de músicos e aprendeu a tocar guitarra ainda criança.

Composta em parceria com seus irmãos Glauco e Ivan, a música ficou conhecida no carnaval de 1960, mas a sua paixão pela arte começou ainda na juventude, quando participava em serenata, segundo noticia do Globo.

A sua primeira composição, gravada em 1952, foi também uma marcha, "O que foi que eu fiz", em parceria com os irmãos Renato e Ivan.

De acordo com a biografia de Homero Ferreira divulgada pela Fundição Progresso, a ideia da sua mais famosa composição surgiu a partir do 'bordão' "me dá um dinheiro aí", de um dos quadros escritos pelo irmão Glauco para o programa "A praça da alegria", da TV Rio. A marcha foi gravada inicialmente por Moacyr Franco, que interpretava o mendigo e a cantou no programa. O disco foi lançado pela editora Copacabana em 1959, e a música tornou-se o maior sucesso do carnaval de 1960, sendo cantada ano após ano pelos foliões.

Bancário aposentado, Homero continuava a compôr, e nos últimos anos participava no Concurso de Marchinhas da Fundição Progresso,sendo o vencedor da primeira edição em 2006, com "Tá, tá muito bom", com Chiquinho. A composição ficou mais conhecida como "Marcha do Viagra".

Homero Ferreira morreu na segunda-feira, aos 86 anos de idade e o funeral foi no Cemitério São João Batista, em Botafogo. A causa da morte não foi divulgada pela família.

Mídia

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade