Tráfego aéreo em Portugal recuou para níveis de 1998, diz a NAV

A NAV, entre Janeiro e Dezembro, terá controlado 345 mil voos no espaço aéreo português, sendo este o pior registo, desde 1998



 Manuel Teixeira Rolo, presidente da NAV Portugal afirma “Vivemos uma crise sem precedentes, mas com os olhos postos no futuro”,

A NAV Portugal geriu 345,3 mil voos em 2020, um ano marcado, pela negativa, pelo impacto da pandemia de Covid-19, particular e principalmente sentido na aviação civil.

Segundo a NAV o total de movimentos controlados no ano passado dá conta  do “pior registo desde 1998, ano em que o controlo de tráfego aéreo geriu 357 mil voos nas regiões de informação de voo sob a responsabilidade da NAV Portugal”.

De 1998 para cá, o total de movimentos controlados pela NAV revelou um “crescimento praticamente constante chegando a um máximo registado em 2019, com a NAV a controlar 816 mil voos (IFR)”.

Assim o valor agora conhecido para 2020 representa uma quebra de 58% no tráfego de 2019 para 2020 e um retrocesso de praticamente 22 anos “em termos de total de aeronaves no espaço aéreo sob responsabilidade de Portugal”.

Na generalidade é de salientar que o tráfego em toda a rede EUROCONTROL caiu 55% ao longo do ano passado.

Entretanto os dois primeiros meses de 2020 decorreram em condições “normais”, com a NAV a registar os mesmos 119 mil movimentos registados em Janeiro e Fevereiro de 2019.
Mas em Março a OMS declarou a Covid-19 “como uma pandemia e diversas ligações aéreas começaram a ser suspensas e a procura a cair”.

A situação reflectiu-se de imediato no tráfego “com os voos geridos pela NAV a cair para -94% em Abril, -92% em Maio e -88% em Junho” tendo como comparação iguais meses de 2019.

O tráfego registou ligeiras melhorias, durante o Verão, tendo estabilizado em níveis equivalentes a -55% em relação a igual período de 2019, “mas os últimos meses do ano ficaram marcados por nova deterioração, tendência que se mantém nestes primeiros dias de 2021.

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade