easyJet reforça liquidez com um crédito de mais de milhão e meio de euros

easyJet anunciou nesta segunda feira o reforço de uma nova linha de crédito a cinco anos de 1551 milhões de euros



easyJet obteve uma nova linha de crédito de 1551 milhões de euros, cerca de 1400 milhões de libras, subscrito por um grupo de bancos e reforçado por uma garantia parcial do Reino Unido Export Finance, de acordo com o seu objectivo de continuar a fortalecer a sua posição de liquidez.

A companhia aérea explica que “ o esquema de Garantia de Desenvolvimento de Exportações para empréstimos comerciais está disponível no Reino Unido para empresas, não se aplica a casos preferenciais nem requer a aprovação de ajudas estatais, e contém alguns aspectos restritivos como o pagamento em dividendos compatíveis, por outro lado,com a politica de dividendos existente na easyJet”.

Esta linha de crédito a cinco anos garantirá os aviões no momento das viagens, aumentará e melhorará significativamente a situação da dívida da easyJet , fortalecendo o balanço da companhia aérea ao aumentar o nível de liquidez disponível.

easyJet anuncia também que durante o primeiro trimestre do calendário reembolsará e cancelará parte da sua dívida a curto prazo, o que significa que a linha de crédito rotatória totalmente utilizada, de 500 milhões de dólares (411,5 milhões) e empréstimos a prazo de 400 milhões de libras esterlinas (443,4M).


Estas operações libertarão uma série de aviões para fortalecer ainda mais o balanço de EasyJet. Continuaremos a rever a nossa posição de liquidez de forma periódica e avaliando novas oportunidades de financiamento no caso em que seja necessário”, lê-se no comunicado da companhia low-cost

O CEO da companhia Johan Lundgren, afirmou: “Esta linha aumentará e tornará melhor significativamente o perfil do vencimento da dívida de easyJet, aumentando o nível de liquidez disponível. Temos tomado medidas e decisivas, tendo assegurado mais de 4500 milhões de libras esterlinas em liquidez desde o inicio da pandemia

Acrescentou ainda que com a rede de voos curtos da companhia aérea, com a sua marca confiável, a easyJet, está bem posicionada para recuperar a actividade à medida que os passageiros irão regressando aos aviões em 2021.

RIU Hotels & Resorts

FITUR 2021

#EstamosON

Corona - Covid19

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Actualidade