TAP garante que os seus A330-900neo não têm problemas

Depois da noticia que os novos aviões da TAP A330-900neo estavam com problemas, a companhia emitiu um desmentido interno.

 

A TAP Air Portugal esclarece que “não existe qualquer limitação de passageiros” na operação dos novos aviões Airbus A330-900neo que já se encontram ao serviço da companhia nas rotas de Lisboa para o Brasil. Antes pelo contrário, “têm tido uma eficiência operacional maior do que a média da frota da TAP e acima da expectativa do fabricante”, lê-se num Comunicado Interno que foi enviado no passado dia 16 de fevereiro, aos colaborado da companhia.

A empresa esclareceu os seus funcionários, como resposta e esclarecimento a uma notícia publicada a 15 de Fevereiro pelo semanário ‘Sol, que noticia, com destaque de primeira página, um texto que aborda alguns constrangimentos na operação dos novos aviões da companhia. “A TAP repudia de forma veemente todas as acusações falsas e infundadas divulgadas na edição do jornal SOL, acerca das novas aeronaves NEO”, salientou em comunicado.

As novas aeronaves estão aptas a fazer voos com lotação máxima. Em qualquer voo, de qualquer aeronave, o payload de carga é ajustado aos passageiros e ao volume de combustível abastecido”, referiu a companhia que, assegura que “os primeiros três meses de operação destas aeronaves foram um absoluto sucesso, avaliado e comprovado pela Airbus”.


A TAP esclareceu ainda que “os novos aviões A330 NEO já estão certificados para os Estados Unidos”.

O comunicado contém uma citação de François Caudron, vice-presidente da Airbus em que refere: “O Airbus A330neo tem tido uma ótima performance desde a sua entrada ao serviço da TAP. Os novos A330neo já têm certificação da EASA para ETOPS 300 minutos, o que comprova a fiabilidade dos motores Rolls-Royce Trent 7000”.

A TAP disse, no comunicado, que o semanario deveria ter procurado, junto da Direção de Comunicação da companhia aérea, esclarecer as informações, concluind que “a TAP reserva-se o direito de acionar os meios que lhe assistem ao abrigo da lei para que, de uma vez por todas, termine a forma desrespeitosa com que este jornal trata os trabalhadores e fornecedores da TAP, ignorando ainda a ética e deontologia jornalística.”

A TAP Air Portugal tem presentemente três aviões A330-900 ao seu serviço. Nas próximas semanas receberá mais duas unidades de uma encomenda de 21 aparelhos deste modelo que irão modernizar e reforçar a frota de longo curso da companhia aérea portuguesa e que chegarão, na totalidade, até ao segundo semestre do próximo ano, como já foi anteriormente noticiado”.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade